Menu

Seis presos acusados de estupro foram mortos por outros detentos, em uma rebelião que durou mais de oito horas no presídio de Eunápolis. Sete feridos foram levados para o Hospital Geral, mas não correm risco de morrer. Atingidos por pedras, dois policiais militares também tiveram ferimentos leves.
INSCREVA-SE





#Compartilhar:

Compartilhar no WhatsApp

CURTA

 
Top